VALE AVALIA FAZER PARCERIA EM PROJETO DE POTÁSSIO NA ARGENTINA



O presidente da Vale, Murilo Ferreira, revelou que uma das alternativas para reduzir o risco do Projeto Rio Colorado, na Argentina, é encontrar um parceiro. Atualmente, a projeção da companhia é de investir US$ 5,91 bilhões em uma mina e na infraestrutura para produção e escoamento de até 4,3 milhões de toneladas de potássio por ano.

“Sobre o risco do projeto, o que temos a dizer é que estamos analisando várias alternativas. Uma das alternativas pode ser ter um parceiro no projeto. Mas essa é apenas uma das alternativas. Temos várias alternativas que devem ser analisadas cuidadosamente para ser apresentada no nosso plano estratégico para o conselho”, disse Ferreira, em teleconferência com analistas.
A mineradora já investiu US$ 1,4 bilhão no projeto, sendo US$ 616 milhões este ano. O total aportado no Rio Colorado este ano deverá atingir cerca de US$ 1 bilhão e a previsão é de que as operações comecem no segundo semestre de 2014.
Na semana passada, em cerimônia com a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, Ferreira confirmou a continuação do projeto e o desenvolvimento da infraestrutura ferroviária para garantir a logística para transporte da produção.

FONTE: Valor Econômico