MONSANTO INVESTE US$ 3 MILHÕES EM PESQUISA CONTRA LAGARTA DA RAÍZ


A Monsanto está sendo cada vez mais questionada em relação à sua semente de milho resistente à lagarta da raiz e aplicou mais US$ 3 milhões na pesquisa da praga. O programa será conduzido juntamente com a Universidade do Estado de Michigan.
Pesquisadores em Illinois e Iowa já relataram que algumas lagartas desenvolveram resistência às sementes, o que preocupa agrônomos e serve como argumento para opositores dos produtos geneticamente modificados.
No entanto, uma porta-voz da Monsanto se recusou a comentar a performance da semente.
– Temos observado bons resultados. Reconhecemos que a lagarta da raiz do milho é bastante desafiadora – disse o representante da empresa. As informações são da Dow Jones.

FONTE: Agência Estado