PRODUÇÃO DE ETANOL A PARTIR DO BAGAÇO DA CANA É 40% MAIOR QUE PROCESSO TRADICIONAL