PERSPECTIVA É DE COTAÇÕES ESTÁVEIS PARA O TRIGO EM 2013


Os preços do trigo em grão e dos derivados devem ser firmes em 2013, devido à menor produção do cereal no Brasil e no mundo na safra 2012/2013. Segundo informações do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), no mercado doméstico, a menor produção pode elevar as importações.
Os preços firmes, por sua vez, devem atrair produtores para a cultura. No final de 2012, as cotações do trigo estavam em patamares nominais próximos a recordes, e muitos pesquisadores apostam que os máximos históricos nominais ainda podem ser alcançados no primeiro semestre deste ano.
Ainda de acordo com o Cepea, os estoques estão baixos, as exportações estão firmes e compradores brasileiros seguem com demanda ativa. Para importar, alguns países do Mercosul, como Argentina e Uruguai, têm apresentado problemas com a safra, fazendo com que o Brasil precise adquirir o produto em países mais distantes, o que eleva os custos.

FONTE: Cepea